"SENHOR, não é soberbo o meu coração, nem altivo o meu olhar; não ando à procura de grandes coisas, nem de coisas maravilhosas demais para mim. Pelo contrário, fiz calar e sossegar a minha alma; como a criança desmamada se aquieta nos braços de sua mãe, como essa criança é a minha alma para comigo. Espera, ó Israel, no SENHOR, desde agora e para sempre.(Sl 131)

Visitantes

Posts

sexta-feira, 7 de julho de 2017

Autodeterminação - A suficiência humana


Este texto serve para reflexão sobre a autodeterminação humana e seus resultados. 

Devemos iniciar, reconhecendo que atribuímos a nós mesmos maior sabedoria, e discernimento que aos demais. Equivocadamente, colocamo-nos acima da faixa dos homens comuns. Tal percepção, enganosamente, não nos permite reconhecer, que o Panem et circenses mantém a todos entretidos.

Há um traço bem característico no comportamento humano... A autodeterminação.

O homem credita a si mesmo sua realização. Isto porque, há convicção que toda a sabedoria e discernimento existentes, se encontram no próprio homem. Esta suficiência, representa uma declaração da inexistência de Deus, e sua incapacidade de comunicar-se conosco.

Tal disposição, com aparência de poder e sabedoria, de fato, fundamenta e conduz a frustração humana. Podemos percebê-la, pois há uma linha padrão percorrendo nossa história.

Cada ciclo da vida é marcado pela chegada da verdade... A última verdade. Com ela, novos valores, e por eles, uma nova esperança. Impondo frustrações à geração que se retira.

Um novo ciclo virá da esperança caduca, pressionando com uma nova verdade, fazendo com que as referências, sejam lançadas fora. E esse ciclo se repetirá estabelecendo este padrão... última verdade, última esperança e frustração.

A sabedoria humana não percebe, mas é intrínseco da autodeterminação. Ela busca a última verdade, para esquecer a última frustração.

E cada geração repetirá a anterior... buscar, em si mesma, a verdade que acenda sua esperança.


Provérbio 14:16, diz assim... O sábio teme e desvia-se do mal, mas o tolo é arrogante e dá-se por seguro.   

Nenhum comentário:

Postar um comentário

1. Seus comentários e refutações são bem vindos.
2. Por favor, faça-os sempre com base nas Escrituras, caso contrário, são opiniões pessoais, com pouco valor
3. Não modero cometários, seu temor ao Senhor deve sê-lo
As ofensas pessoais podem ser substituídas por refutações, ajudariam a todos que passam por aqui.

Em Cristo.